Follow by Email

quarta-feira, 17 de maio de 2017

O Flagelo

São Francisco
Vai cantando
Da canastra
Para o mar
Na esperança
De um dia
Essa seca
Acabar.

Vai destino
Aventureiro
Iludindo 
O coração
Segue o seco
Velho Chico
A sua
Transposição.

No meu tempo
De menino
Jamais 
Pude imaginar
Que as águas 
Desse rio
Fossem mesmo
Terminar.

E das águas
Que sobraram
Hoje é
Especulação
Goelas secas
Salivando
Alimentam
Ambição!







                                  

                                  J Santos.                                                  

Nenhum comentário:

Postar um comentário